segunda-feira, 22 de outubro de 2012

Olhos doentes, mentes descuidadas, corpos desanimados


Apesar de não parecer, nada do que existe a sua volta existiria se você não estivesse aí. Ótica, perspectiva, tudo não depende apenas de onde você está, ou depende, mas se você não está também nada lá existe, mas não é vazio como pode parecer. Pense que enquanto abre os olhos tudo começa a ser criado e com eles fechados tudo continua lá menos você. Então procure criar mais, não importa se vai desaparecer depois que você se for, tente enquanto está ali, porque você também não sabe como vai criar a morte, ou se alguém irá criá-la pra você, certo é que ela estará lá na hora exata, mas até ela chegar...
Abra os olhos. Alguns animais conseguem enxergar de mais longe com mais precisão que algumas pessoas com óculos ou binóculos, então porque se preocupar em ver o que lhe é desagradável? “O que os olhos não veem o coração não sente.” serve pra muitas coisas, mas a maioria das pessoas só pensa em trair e ser traído. Quando eu peço para abrir os olhos, quero que entenda que sua visão não depende apenas de ter os olhos abertos, porque também é preciso entender o que se vê e não se entende com os olhos.
“Bom dia” e um sorriso; “me desculpe” e “com licença”; “eu amo você!”. Essas palavras ditas na hora certa podem nos fazer acreditar em um mundo melhor, mais humano, mais digno de nossa apreciação. Nossa mansa mania de depreciar tudo o que é direito nos faz mais ordinários. Mas você sabe que cada dor serve para nos deixar mais fortes para suportar ainda mais dor é por isso causa mais sofrimento?
Estamos na verdade esperando o dia do juízo final para acertarmos a conta, mas já pagamos o sofrimento de nossos inimigos e, por tanto, achamos que Deus lá do alto de sua misericórdia há de nos perdoar pelos nossos males, porque foram causados a causadores de males. Criamos as mais belas das leis: “devolva com uma pedrada!”; “olho por olho e dente por dente”; “ou você explora o próximo ou o próximo será você”. Vivemo-las e mais do que isso, às vezes isso é tudo o que precisamos para continuar seguindo sem olhar para trás.
Lhe dá ódio ver que mesmo depois de ter feito tudo certo, ter feito todo o possível você ainda está longe de ser perfeito, mas olha à sua volta e se regozija em ver que existem pessoas ainda piores, sente mais ódio ao vê-las sorrindo, mas de acordo com sua lei: “eles não perdem por esperar.” Feche os olhos, sem morrer, e abra depois que entender que tudo de ruim no mundo existe porque você está aqui, mas se você puder pelo menos dizer: “Eu amo você!” a alguém e não se arrepender disso você saberá o motivo de tanta luta pra se viver só mais um dia num mundo tão desgracioso.

Gadget

Este conteúdo ainda não está disponível por conexões criptografadas.

Se chegue

Nome

E-mail *

Mensagem *