sábado, 28 de dezembro de 2013

Modas que eu não sirvo

Não me importa muito a música moderna
A mim já basta um violão
Gritar é bom
Falar besteira também
Mas música é música e poesia é música também

Eu olho e parece baderna
Mas já é uma confusão
Gritar é bom
Falar besteira também
Mas boteco é boteco e boate é boteco também

Uma fórmula
Um jeito

Não me importa a poesia moderna
A mim já basta um bordão
Rimar é bom
Frases sem nexo também
Mas poesia é poesia e música é poesia também

Eu olho e parece uma igreja
Mas é pura profanação
Orar é bom
Estar numa orada também
Mas reza é reza e música é reza também

Algum sábado
Perfeito

E eu não me importo de des-formular
Nem me importo de des-perfeitar

Dez fórmulas
De dez jeitos
Dez sábados
Perfeitos

Gadget

Este conteúdo ainda não está disponível por conexões criptografadas.

Se chegue

Nome

E-mail *

Mensagem *