domingo, 31 de julho de 2011

Futebol de merda

Fui ao parque da cidade hoje pra o show do círculo e para encontrar alguns amigos raros. Saí de casa com a bike já 11:15 e quando cheguei eram 12:35 e o Círculo quase que imediatamente encerrou o show, pelo menos encontrei meus brothers, mas a minha preocupação era voltar a tempo de ver o jogo do São Paulo, pois tinha certeza que hoje a gente ia brocar o vascuzinho. Deixei até de me aplicar na cachaça, pois isso ia atrasar muito meu rendimento na volta pra casa.
Só fui sair do parque já depois das 15h, vinha pela BR mas uma voz me disse para voltar pela suburbana, pois pelo caminho certamente haveria um bar passando o jogo. Perdi a pressa.
Aproveitei e quebrei pro Comércio a fim de comer alguma bobagem ainda na esperança de encontrar um lugar pra ver o jogo, mas tudo em vão. Comi um kibe ruim da porra,  um pão pizza medonho e um suco de goiaba razoável, mas nada de nenhum lugar pra assistir a partida que essa altura já devia estar começando.
Parti a mil em direção a Pericity olhando pra todo lado na intençaõ de encontrar uma maldita TV(esse demônio!) ligada num boteco qualquer, mas quem disse que era meu dia de sorte?
Cheguei em casa logo no começo do segundo tempo e assim que eu ligo a TV vejo a defesa que antes tinha Miranda e Alex Silva tomar um gol ridículo num contra-ataque rápido com o lesado do Éder Luis: São paulo 0x1 Vascu.
Resolvi colocar alguma coisa no fogo, pois ainda precisava almoçar. O jogo era feio, mas segundo o rádio, a TV, a internet o São Paulo foi melhor no primeiro tempo e seguia melhor até levar o gol. Adilson batista tentou mexer no time tirando Piris e colocando Lionel Marlos, mas assim como o Lionel argentino ele pouco fez. Fernandinho também entrou no lugar de Rivaldo, mas nada. Entre uma ida e outra na cozinha só irritação. No final felipe faz 2x0 e acaba com minha fé.
Ligo o som e escuto o cego Willie Johnson cantar "You're Gonna Need Somebody On Your Bond". O macarrão cozinhado durante o jogo ficou tão sem graça quanto a minha cara de idiota que não tinha nada melhor pra fazer numa tarde de domingo.


Gadget

Este conteúdo ainda não está disponível por conexões criptografadas.

Se chegue

Nome

E-mail *

Mensagem *