quarta-feira, 20 de julho de 2011

A dança dos sonhos e dos desejos

Quando o homem acha que não tem chance de alcançar alguma graça ele recorre à fé. Ela é a única coisa capaz de manter o homem na sua sanidade. Mesmo que pareça insano. Fico pensando no que seria do humanidade se não fosse a fé. Pra muitos ela é apenas um negócio, mas no geral ela nos faz bem, ou pelo menos mais bem do que mal. Infelizmente tem aqueles que exploram e tem os explorados, eu sei, mas em pleno ano de 2011 da era cristã eu não posso acreditar que "tem que ser assim". Isso seria matar a esperança.
Outro dia um amigo me disse que falando o que eu falo algumas pessoas podem achar que eu não sou confiável, por dizer na cara delas que ninguém nesse mundo está nem aí para o próximo, que o que as pessoas acreditam mesmo é no dinheiro e na aparência, que ninguém "considera" ninguém etc. É... vendo por esse prisma é racional não confiar em alguém assim, mas foda-se! Eu não posso não enxergar os defeitos da nossa coletividade. Não faço côro a esse comportamento. Tudo é permitido, mas ninguém tem que ser permissivo a tudo. Acho que algumas coisas precisam começar ser vistas com outros olhos, com olhos menos dementes. Imagina se um negão precisa abrir a boca pra ser mal visto pelas pessoas? Nesses meus 37 anos nunca foi preciso, aliás ninguém te pergunta como você quer ser tratado a não ser em sites de compras.
Em algum momento, entre o agora e o fim de tudo, eu, você, todos vamos ter uma opinião diferente sobre algo que críamos com muita convicção. Nossa mente nem sempre consegue ter pleno domínio sobre nosso corpo, ou parte dele, e o que é que domina quem domina? Quem certifica o certificador? Algumas pessoas tem atitudes não toleráveis por ignorância, por maldade... Imagina se isso nunca mudar? Nós seguimos modelos ultrapassados em todos os momentos de nossas vidas, na escola, no trabalho, às vezes em família. Será que nossa vida toda se resume a isso: Perseguir modelos ultrapassados de felicidade? Esperançoso, eu não acredito! 
É muito cansativo manter a fé, mas de alguma forma tenho que mantê-la, porque é ela que me mantém vivo, lúcido e bem disposto. Ter esperança que um dia parem de se odiar e se matar é muito importante, pois não me deixa odiar nem matar ninguém, mesmo aqueles que em algum momento não mereçam nem apanhar de tão asquerosamente nocivos.
Enquanto nós continuarmos aceitando desculpas para todo tipo de atrocidades elas irão continuar. É bem mais fácil banir o pensamento no que é fudido. É ridiculamente fácil fazer isso, mas a nossa inteligência é tanta que dificulta. Tudo é racionalizável, até mesmo o absurdo. Um dia eu tentei parar de xingar. Não consegui, mas foi fácil estar ciente de que eu não devia fazer aquilo. Só não consegui me manter consciente todo o tempo, mas a vida é assim, o mesmo serve para todas as coisas. A gente só precisa se manter alerta.
Se depender de minha vontade para o mundo se tornar um lugar melhor então ele se tornará, pois não há desesperança bastante em meu coração para me fazer deixar de desejar isso. 

Gadget

Este conteúdo ainda não está disponível por conexões criptografadas.

Se chegue

Nome

E-mail *

Mensagem *